Hotch - volta ou não?


Um dos dilemas que marcam muitos fãs de séries é o elenco nas novas temporadas. Fulano será substituído? O personegam tal morrerá? Quem acompanhava E.R. em seus tempos áureos sabe como é essa coisa de substituição. Nessa temporada, Grey's Anatomy e Criminal Minds foram as maiores "vítimas".

Nem vou falar de Grey's porque já tenho um blog para isso. Mas até agora, em suas 4 temporadas, Criminal Minds se saiu espetacularmente bem em matéria de substituições. Primeiro foi Lola Glaudini quem resolveu fazer um favor para a humanidade e sair da série, sendo substituída (brilhantemente) por Paget Brewster, que coincidentemente era fã confessa da série, e cuja série em que estava atuando antes fora cancelada.

Depois, foi Mandy Patinkin, cujos ataques de estrelismo saturavam o elenco e a equipe, até que o cara desistiu. A coisa foi tão feia que, quando pediu para fazer um episódio com participação especial no final da 3ª temporada, os caras renegaram o pedido sem nem hesitar.

Agora, com o (não muito) surpreendente cliffhanger dessa 4ª temporada, a grande dúvida dos fãs da série é se Thomas Gibson sairá ou não da série. Eu, particualrmente, acredito que não.
Primeiro: se Gibson fosse sair da série, haveriam vários rumores acerca o fato. De crises de estrelismo a desentendimento com produtores, como aconteceu com o intérprete de Jason Gideon. Como não ouvi (melhor, "não li") nada a respeito de barracos nos bastidores da série, já desconsidero essa alternativa.
Segundo: Hotch é o protagonista da série. Tem gente que diz que era Gideon, mas não, Gideon era só o "mentor" de Reid. Se tirarem o protagonista, o que nos sobra? Ok, temos ainda Prentiss e Reid, que sempre foram personagens geniais. Mas não seria, nem de longe, a mesma série. Pensem, o que restaria de "House M.D." se tirassem o doutor enxaqueca? (a série já tá no fundo do poço mesmo, aí num tem como sobreviver.) E Lost sem o mala do Jack? (ok, eu já não aguento mais ele, mas acho que ele é essescial para a trama por causa da coisa toda do Christian, do Aaron e da Claire.) Grey's Anatomy sem Meredith, então...
Terceiro: há a possibilidade de Foyet não ter atirado em um local vital. Ele pode ter atirado na perna, ou no braço... Para torturá-lo, e aperfeiçoar seu M.O. Também, há a possibilidade de o tiro não ter sido de Foyet. Poderia ser de Hotch e sua 2ª arma (vimos, em "In Birth and In Death", que ele tem outra), ou mesmo de algum membro da equipe que o havia seguido (Morgan? Prentiss?).
O personagem foi uma das coisas que me prenderam à série, e ficarei bastante desapontada se o tirarem assim, do nada. Se bem que se viraram muito bem quanto a Rossi e Prentiss...

3 comentários:

Juliana Ramanzini disse...

Também acho que ele não sai da série. Não vejo motivos pra isso. Aliás, ele é o elo que mantém a equipe unida, é a referência, o cara que preserva as regras. Posso estar enganada, mas não vejo motivos pra que o personagem morra e ficaria chateada se essa fosse a solução.

Luciano disse...

Acredito que a personagem de Hotch não saia da série, mas a alternativa dele ter atirado é rem0ota, pois teria de abaixar para pegar a arma e o revolver estava na altura do rosto. Talvez um erro de pontaria e uma briga ou ser atingido em parte não vital. Realmente, ele é o elo da equipe. Quem dá o tom a ela lembrando seus membros de que pertencem a uma instituição e têm de agir segundo as regras dela.

Creuza Moura disse...

Adoro a série, e assisto pelo axn,
seu blog é excelente mas a letra cinza no fundo preto fica impraticável de ler.

De qualquer forma ainda acho que se oi hotch foi atingido, foi no ombro ou em qualquer parter em que ele possa ficar vivo, e correr atras do prejuizo na próxima temporada. quanto a demissões e crise penso que esta série não será afetada.

um abraço